Relações públicas: o que é e a importância para o marketing

Relações públicas é sobre saber comunicar e construir reputação. Ok, pode ser que você nunca tenha visto uma definição tão direta e curta sobre RP. Isto porque é comumente visto que existe certa “dificuldade” para se explicar essa área.

Queremos fazer diferente, pois é estranho que uma área de atuação tão necessária nos dias de hoje ainda carregue consigo esses ares de dúvida. Dentro da comunicação, todo mundo sabe o que faz um jornalista e um publicitário, então por que ainda há desconhecimento sobre a definição de relações públicas?

Existem algumas explicações do porquê isso ocorre, até pela abrangência da área – e você verá aqui –, mas queremos chegar mais perto de definições. Relações públicas é uma profissão necessária dentro de qualquer empresa e, igualmente, dentro do marketing all line e está mais do que na hora de ter a notoriedade que demanda.

 

O que é relações públicas?

Para explicar o que é relações públicas, primeiro precisamos saber diferenciar as suas nuances. Profissão e profissional acabam levando o mesmo nome, além de ser uma busca frequente como curso de graduação por futuros vestibulandos.

Falando especificamente da profissão, relações públicas vem da tradução de “PR”: public relations. Ela é a gestão da comunicação orgânica, aquela que flui sem investimentos, e é a atividade que sincroniza os interesses entre empresas, personalidades e públicos para o alcance de um objetivo.

Em 2021, é evidente e cada vez mais impactante a necessidade de uma organização saber gerir uma reputação. A opinião pública “cobra” responsabilidade de cada membro integrante que, por sua vez, comporta-se como porta-voz da marca.

Portanto, o profissional de relações públicas busca uma comunicação que possa positivamente influenciar as pessoas. Com esse objetivo, é necessária uma gestão ampla das estratégias de comunicação e marketing sendo, por isso, difícil não falar da definição de RP sem partirmos para os modos de atuação deste profissional.

O que faz um relações públicas?

Dentre as muitas possibilidades, o RP tem principalmente a função de traçar planos estratégicos para que a empresa alcance seus objetivos passando a melhor mensagem e imagem possível.

A principal ferramenta de um profissional de relações públicas para o relacionamento é o que gostamos de chamar de comunicação ótima. A característica desta comunicação é a transmissão objetiva das informações com uma linguagem e meios adequados a cada público. 

Ainda que o lucro e o retorno financeiro de um negócio, na teoria, não tenha relação direta com a atuação de um RP, tornam-se consequências imediatas.  

A partir de um bom relacionamento harmonioso com a persona, um marketing empático e na medida certa com o público, as ações de um relações públicas começam a ser percebidas em resultados reais e mensuráveis.

Um cliente fiel compra mais e por mais tempo. Um cliente fiel se torna porta-voz e gera engajamento espontâneo. Segundo pesquisa Edelman Trust Barometer de 2016: 71% das pessoas confiam no que as pessoas indicam, mais do que em celebridades.

O trabalho de relações públicas, portanto, vem estreitando laços com o marketing, mas ele é sim abrangente. Vamos listar algumas das ações de RP para criar um norte de tudo aquilo que compete a essa disciplina:

  • Pesquisa de mercado
  • Campanhas estratégicas
  • E-mail marketing
  • Estudo de públicos
  • Planejamento de comunicação
  • Comunicação interna
  • Eventos
  • Relacionamento e gestão de crises

 

Relações públicas e marketing: qual a relação?

Antes de falar sobre a relação entre relações públicas e marketing, é importante ressaltar que elas não são a mesma coisa. Em tempos de digitalização da comunicação, muitas pessoas confundem e misturam as duas áreas.

As relações públicas estão mais atreladas à parte estratégica. Já o Marketing se preocupa com a promoção e venda do produto ou serviço. 

Ou seja, elas não são sinônimos, mas complementares. Quando combinadas em um planejamento adequado, podem potencializar os resultados de qualquer negócio, seja qual for o nicho de atuação. 

Se fizéssemos um exercício de reflexão com um evento, por exemplo, as relações públicas pensariam no relacionamento, organização e fariam o meio de campo com o público. Já o marketing pensa na promoção desse evento, buscando valorizar o produto e impulsionar as vendas. 

Ambas as disciplinas são imprescindíveis para uma empresa, pois tem objetivo em comum de estabelecer relações de confiança entre empresa e público. Saber gerar essa confiabilidade através de RP e Marketing trará benefícios sólidos e duradouros. 

Não é necessário, portanto, que elas trabalhem desconectadas. No Inbound PR, como veremos adiante,  a ideia é que marketing e relações públicas trabalhem sincronizados, gerando reputação e vendas simultaneamente. 

Talvez na academia isso não faça tanto sentido, mas dentro das empresas é necessário por uma questão de melhores relacionamentos entre as áreas, redução de custos e análise de dados.

Além disso, em se tratando de ambiente digital, não existem paredes entre as atividades e os públicos, inclusive os clientes, vivenciam uma experiência única. Por isso, na Otimifica, entendemos que é fundamental trabalhar com marketing e comunicação em conjunto, partindo sempre dos objetivos de cada negócio. 

 

Qual a importância das relações públicas para as empresas?

O profissional de relações públicas é crucial para as empresas porque ele centraliza diversas demandas de comunicação que impactam o negócio de modo geral.

O RP busca sincronizar interesses para estabelecer interna e externamente um ambiente de relacionamentos saudáveis. Na era do digital, isso se acentua. Quem fala sobre sua marca é um porta-voz e saber se posicionar gera o que chamamos de reputação digital.

Uma empresa que não se posiciona corretamente ou possui má reputação está fadada ao fracasso. Por isso, contar com esse profissional multidisciplinar vai trazer inúmeros benefícios que podem ser explorados ao longo do tempo.

Entretanto, cabe salientar, que esta é uma profissão regulamentada e a atuação exige formação. Se você quiser entender mais sobre isso, pode acessar o site do Conferp – Conselho Federal de Relações Públicas.

 

4 benefícios que um RP traz para o marketing das empresas

E se os benefícios que um RP traz para o marketing de uma empresa são inúmeros: fica difícil de delimitá-los, mas queremos trazer os principais da lista. Aqueles não citados abaixo, são ofícios do RP que podem não estar diretamente ligados ao marketing, ainda que possuam certa correlação. 

  1. Gestão da comunicação: gerir a comunicação de uma empresa passa por saber sincronizar as ações de RP e marketing, olhando de forma sistêmica para as iniciativas do negócio. Passamos da fase de saber que os interesses financeiros e impactos sociais se integram e, agora, constituem parte de um organismo único e o profissional de RP é quem vai conduzir os nutrientes desse organismo. 
  2. Gestão de crise: muitas pessoas instantaneamente ligam o RP à gestão de crise, pois é uma das atividades mais primordiais dessa disciplina. Na era digital e com os avanços tecnológicos, as “crises” eclodem cada vez mais rápido e tendo mais impacto,  sendo essa gestão de crise uma ação muito importante a ser pensada por um profissional da área, alinhado ao setor jurídico, diretoria e demais envolvidos. 
  3. Relacionamento: seja qual for o nível de atuação, o profissional de Relações Públicas possui uma mentalidade única estreitamente ligada ao relacionamento entre empresas e seus públicos para que atinjam seus objetivos.
  4. Reputação digital: o RP têm o poder de contribuir para o aumento da base de leads e de conduzir visitantes no processo de se tornarem clientes. Através de uma comunicação ótima e constante, ele educa e gera mais reputação para as organizações.

A importância das relações públicas para o método Inbound PR

Você conhece o método Inbound PR? Este é um método que sincroniza Marketing, Relações Públicas, Vendas e Tecnologia em um só lugar. A criadora relações públicas Ariane Feijó desenvolveu uma maneira inovadora de fazer a comunicação integrada das empresas.

Inbound significa atração e encantamento de clientes através de uma maior conexão com o público-alvo, Já o PR, como mencionamos no início deste texto, é a palavra em inglês que dá origem ao termos Relações Públicas.

O método busca conectar objetivos de negócio com as quatro disciplinas mencionadas. Um passo adiante para o profissional de RP. Se antes este profissional estava apenas entre uma notícia e uma empresa, agora, ele participa ativamente de todo o sistema de comunicação e geração de reputação digital.

Muitas empresas optam por ações isoladas de comunicação. Não conseguem visualizar o todo. A importância do método Inbound PR é eliminar o “achismo” e a intuição, guiando as estratégias de reputação e vendas em dados e informações concretas.  

Inbound PR é começar a mensurar e visualizar os resultados de comunicação e sair da invisibilidade digital. 

Comentários
Share via
Copy link
Powered by Social Snap