Inbound PR: você sabe o que é? | Otimifica INBOUNDPR

A metodologia Inbound PR está presente no universo do Marketing e Comunicação desde 2010.  Porém, foi em 2014 que a criadora do método, Ariane Feijó, falou sobre o Inbound PR pela primeira vez em um workshop na RP Week.

E, ao contrário do que muita gente pensa, Inbound PR não significa simplesmente adicionar assessoria de imprensa ao Inbound Marketing. Essa nova metodologia começa antes do Marketing – e vai muito além dele.

Dessa forma, entendemos RP como uma mentalidade mais do que uma profissão. Ou seja, uma mentalidade de gestão da comunicação e, como tal, dentro do Inbound PR, o papel de RP é fazer a sincronização dos objetivos de negócio com os objetivos de Marketing e Comunicação.

Saiba mais sobre os princípios do Inbound PR com a leitura deste texto!

O que significa PR?

O termo PR significa Public Relations, ou Relações Públicas (RP), em português. As Relações Públicas são uma atividade responsável pela construção e manutenção das redes de relacionamento das organizações com seus diversos públicos. Logo, está diretamente ligada ao coração dos negócios.

E se, no passado, o profissional de RP era aquele que estava entre a empresa e uma notícia, hoje, soma-se a isso a responsabilidade de alinhar as expectativas dos públicos com os gestores das organizações. Isso contribui também, vale o destaque, para a geração de resultados financeiros às empresas. Sendo assim, é posição do profissional à cargo das Relações Públicas nas organizações a responsabilidade pela comunicação sincronizada.

O que é Inbound PR?

O Inbound PR é uma metodologia ágil que sincroniza Marketing, Relações Públicas, Vendas e Tecnologia em um lugar só. O método foi criado pela relações públicas Ariane Feijó que, por base em estudos acadêmicos e em experiências profissionais, desenvolveu uma maneira inovadora de fazer a comunicação integrada das empresas.

Inbound PR significa conectar objetivos de negócio com RP, marketing, tecnologia e vendas.

Alguns pontos são cruciais para o bom funcionamento do Inbound PR. Por exemplo, a intenção conjunta de alinhar os esforços de diferentes equipes, como Marketing e Vendas, para gerar mais resultados de negócio. Além disso, o foco na construção de reputação digital, fazendo uso em especial de técnicas de Marketing Orgânico. Por último, vale ressaltar a importância do estudo de Marketing Ágil da empresa, para mapear o seu estado de execução e seus objetivos para o futuro.

Quais são as origens do Inbound PR?

Em 2010, pela carência de não ter percebido o conceito de comunicação integrada plenamente compreendido no mercado, o Inbound PR buscou um novo formato. Então, iniciou-se um trabalho das práticas de Marketing, vendas e RP com o apoio de especialistas em cada área. Isso com o uso de um jargão bem tecnológico, sincronizar os interesses de todos nos negócios dos clientes.

Portanto, por sincronizar, fala-se de dois princípios:

  • 1) Áreas que não são de comunicação nas empresas têm bastante dificuldade em entender o seu papel e impacto. Assim, associam Relações Públicas quase que estritamente ao trabalho de assessoria de imprensa. Por não entenderem, buscam formas de relacioná-las a resultados de vendas, o que, via de regra, não se conseguiu provar com dados até então disponíveis no mercado.
  • 2) O ato contemporâneo de sincronizar aparelhos como um smartphone e um computador pressupõe que ambos se comuniquem num determinado contexto e linguagem, mas sendo organismos distintos. Ou seja, não é possível integrar dois equipamentos tecnológicos diferentes, mas sim sincronizar o seu conhecimento armazenado de forma a disponibilizá-lo em diferentes locais. Quando sincronizamos, possibilitamos que duas tecnologias com funções distintas, bem como cada unidade, individualmente ou somadas, aumentem seu potencial e disponibilizem uma entrega diferenciada.

Mas, se estamos falando de três áreas tão diferentes, como sincronizá-las? Por onde começar?

Qual é o diferencial do método Inbound PR?

Muitas empresas optam por ações isoladas de comunicação – ou redes sociais, ou assessoria de imprensa, ou publicidade. Não pensam, contudo, nos impactos na reputação e até mesmo nas vendas das empresas. Lado a lado com a curiosidade de como usar melhor as redes sociais e a tecnologia para atrair melhores clientes, empresas e agências enfrentam a frustração de não conseguir comprovar resultados financeiros diante da cobrança permanente do ROI (Retorno sobre o Investimento) destas ações.

O ROI é uma entre tantas siglas corporativas que, muitas vezes, não são questionadas e seguem sendo repetidas na Comunicação e no Marketing, sem a sua completa compreensão. Esta métrica não contempla a totalidade dos resultados e processos de comunicação e Marketing. Isso porque o retorno sobre o investimento em comunicação é tangível (vendas e/ou crescimento financeiro) e intangível (a reputação, a imagem e a identidade). Por isso, o Inbound PR trabalha com grupos de métricas, e não apenas com uma ou outra métrica adotada de outra área de negócio.

Quais são os benefícios do Inbound PR?

Sincronizar Relações Públicas com Marketing Digital é uma prova que a multidisciplinariedade só vem a somar para as organizações0. Isso porque, ao fazer uso dos principais conceitos dos segmentos, as marcas ganham credibilidade no all line e, também, passam a atingir seu público em diferentes contextos.

Confira os inúmeros benefícios que o Inbound PR traz para as empresas abaixo: 

  • Geração de leads e, consequentemente, mais fechamento de vendas
  • Construção de patrimônio digital
  • Foco no Marketing Orgânico, que possui menos custos para as empresas
  • Integração entre os setores das empresas
  • Maior aproximação com a persona da marca
  • Alinhamento de objetivos de negócios constante
  • Melhor posicionamento no ranking do Google

Como funciona o Inbound PR?

No Inbound PR, não olhamos para as mídias de forma isolada, mas também de forma sincronizada. E elas são 4 mídias: própria, social, espontânea e paga. Dessa forma, ao trabalhar a comunicação na mentalidade RP, as organizações:

  • Têm mais visibilidade;
  • Repercutem cada ação desenvolvida para conversar com as suas personas por mais tempo – ou seja, construir relacionamentos;
  • Geram vendas e constroem reputação simultaneamente.

Sendo assim, a execução do Inbound PR passa por sistematizar o Marketing e a Comunicação para que as estratégias de reputação e vendas sejam mais baseadas em dados e menos em intuição. Isso para que o cliente seja considerado nos planejamentos de comunicação corporativa como um público-alvo próximo, que não mais fica a cargo apenas do Marketing.

Além disso, muitas das técnicas descritas em Inbound Marketing sempre foram práticas de Relações Públicas. Dentre elas, estão:

O que o Inbound Marketing trouxe de inovador para os negócios e que sempre foi uma carência da comunicação são as métricas e o foco no resultado e nas soluções a partir das personas.

Já as Relações Públicas têm o poder de contribuir para o aumento da base de leads, mas, principalmente, têm o poder de conduzir visitantes no processo de se tornarem clientes. Através da comunicação constante, educar e gerar reputação para as organizações.

Leia também: Inbound não é ebook

Etapas do Inbound PR: do "faça você mesmo" ao "passo a passo"

Embora Comunicação e Marketing sejam transversais a qualquer área de uma empresa ou conhecimento, há ainda uma distância grande entre saber fazer Marketing e Comunicação e fazê-los de fato. As ferramentas de ambas as áreas estão cada vez mais “faça você mesmo”. O que é ótimo, especialmente, para quem está começando um negócio. Porém, não é o suficiente para mantê-lo vivo e saudável.

O Inbound Marketing se desenvolveu neste contexto, em que as empresas têm cada vez mais necessidade de se relacionar com seus potenciais clientes e dificuldade de compreender a criação das estratégias de Comunicação e Relações Públicas cada vez mais complexas. Embora, ao mesmo tempo, mais acessíveis graças às redes sociais digitais.

Diante desta dificuldade, seguem o apelo do “faça você mesmo”, que desencadeou a criação de inúmeros formatos de aplicação de teorias centenárias, transformados em fórmulas supostamente fáceis para colocar o “novo marketing” em prática. Nós não apenas não acreditamos em fórmulas, como não as desenvolvemos. Acreditamos que negócios são construídos, não criados. E que um produto nem sempre é um negócio.

Por isso, o Inbound PR está sistematizado em três princípios e etapas de implementação. Elas são adaptadas ao momento de cada empresa, com foco nas pessoas e não nos processos:

Princípio “Propósito”

Com base nos objetivos do negócio, orientados por profissionais de administração com foco financeiro, é definido o propósito da empresa. Ele, por sua vez, se reflete nas suas mensagens-chave e precisa transparecer nos seus produtos e serviços.

  • ETAPA 1: Planejamento estratégico do negócio;
  • ETAPA 2: Conexão entre gestão e comunicação;
  • ETAPA 3: Diagnóstico de reputação digital.

Princípio “Pessoas”

É preciso definir com quem falar. No ambiente da mentalidade digital, isso significa entender e definir claramente as personas, a partir dos públicos, e falar com as pessoas de forma individualizada.

  • ETAPA 1: Personas;
  • ETAPA 2: Jornada.

Princípio “Método”

No Inbound PR, a comunicação é trabalhada de forma integrada com as 4 mídias: própria, social, paga e espontânea. Ao sincronizar a comunicação, é feita a utilização da mídia certa, no momento certo, para o público certo.

Partindo dos objetivos de negócio com um propósito claro, a criação de um plano de ação digital que engaje, gere reputação e vendas ao mesmo tempo, possibilita trabalhar melhor e de forma mais efetiva. Isso dá transparência aos clientes e permite mensurar resultados para torná-los repetíveis.

  • ETAPA 1: Mapa da mensagem;
  • ETAPA 2: As quatro mídias;
  • ETAPA 3: Plano de ação e desempenho;
  • ETAPA 4: Implantação do Inbound Marketing.

Quer se aprofundar ainda mais na metodologia?

Learning

Habilidades fundamentais para ter resultados ótimos em marketing.

Livro Inbound PR

Conheça o livro Inbound PR: Como sincronizar negócios rumo à maturidade digital? e saiba mais sobre o seu funcionamento.

Livro Inbound PR - Capa
Comentários
Share via
Copy link
Powered by Social Snap