4 formas de destacar o conteúdo do seu blog!

4 formas de destacar o conteúdo do seu blog

Conteúdo sólido, embalado adequadamente e promovido de forma inovadora são o tripé do sucesso de um programa de marketing de conteúdo.

Você e eu sabemos bem disso.

Mas qual o fator que faz com que um conteúdo ganhe alta popularidade? Na verdade não há uma resposta certa para essa pergunta, já que o sucesso de um conteúdo depende de uma série de fatores diferentes, que variam de acordo com o nicho de mercado do negócio.

Você que tem blog ou precisa produzir conteúdo para a sua empresa, já deve ter passado por algum momento de insegurança com o conteúdo produzido, em que ele parece não ganhar o devido destaque, não é mesmo? Acredite ou não, produzir um conteúdo que tenha potencial de destaque requer voltar para algumas estratégias básicas.

Inspirado em constatações pessoais, estudos aprofundados em cases de marketing de sucesso e experiência profissional, Neil Patel, produtor de conteúdo do Content Marketing Institute, definiu 4 formas para auxiliar você a otimizar os artigos do seu blog.

Não é receita de bolo, mas você precisa seguir uma ordem para chegar no resultado esperado.

1. Storytelling: conte uma história pelo ponto de vista certo!

Se você acompanha blogs de comunicação e marketing, pode até desconfiar que storytelling é modinha. No entanto, uma história planejada, bem contada e divulgada, definitivamente, marcará muito mais a mente dos consumidores, se comparada a um e-mail marketing promocional isolado em uma caixa de entrada ou um outdoor.

Um exemplo de marca que está construindo sua história no universo dos drones é a General Eletrics (GE), multinacional americana de serviços de tecnologia. A estratégia da empresa é se tornar referência em drones, por isso patrocinou o evento The Liberty Drone Race. Cerca de 2,400 pilotos de drone estavam presentes, tentando se classificar para a U.S. National Drone Racing Championships.

O drone é um esporte futurístico e, certamente, ainda se tornará tão comum e desejável quanto um smartphone. Pense o quão fenomenal é para uma marca estar vinculada a um objeto ou serviço que pode mudar o estilo de vida das pessoas! A Uber e a Airbnb, que nos digam, não é mesmo?

É claro que você não precisar se tornar um patrocinador de determinada causa ou objeto, mas é preciso que você seja provocado a deixar fluir sua criatividade e tome a decisão sobre qual conceito irá focar seus esforços.

Por exemplo: se você é um fornecedor de comida vegana, escolha o conceito que as pessoas entendam como produtos veganos podem fazer a diferença em suas vidas ou ao planeta!

O formato de mídia que usaria neste caso do exemplo de produtos veganos seria vídeos mostrando a realidade do setor da indústria de carne, entrevistas com médicos que acreditam que o consumo de carne pode causar malefícios à saúde, fatos que ilustram como o consumo de carne prejudica o meio ambiente e dados que comprovem como a dieta vegana fornece maior qualidade de vida e longevidade.

2. Produza fotografias incríveis para encantar a sua audiência

Nesse aspecto, é interessante analisar novamente a marca GE – mais especificamente as táticas de conteúdo promocional da empresa. Todo post produzido pela marca carrega algum aspecto incrível.

O conteúdo escrito é maravilhoso, os vídeos da marca te transportam para outro lugar e as fotografias são simplesmente encantadoras.

Dê uma olhada em duas fotografias que a GE postou em sua conta no Instagram:

Fonte: General Eletric – Instagram
Fonte: General Eletric – Instagram

Sim, nós sabemos que você não trabalha na GE e provavelmente também não possui um orçamento como o deles. Mas não deixe isso impedir você de utilizar a sua imaginação durante um ensaio fotográfico da sua empresa.

Toda a imagem que você fazer upload deve trazer gatilhos para a audiência, por isso reflita sobre o ângulo da imagem, perspectivas, conceitos, situações, cenários, cores, luz, foco e etc.

3. Aproveite e faça uso do seu conhecimento e rede de contatos

Você é um expert em seu nicho de mercado. Por que não compartilhar seu conhecimento com clientes em potencial que podem estar precisando? Por que não utilizar suas conexões para fornecer conteúdos valiosos para os seus clientes e contatos?

A ideia é simples: use a sua expertise e rede de contatos como uma rede de promoção de conteúdo. 

Aqui vai um exemplo: a MAC Cosmetics compartilha informações sobre Hollywood e celebridades em um blog de cultura pop pra lá de único, onde também posta diversos tutoriais.

Fonte: MAC Cosmetics

A marca compartilha cada post em seus canais nas redes sociais, através do compartilhamento em grupos específicos, comunidades, fanpage de empresas e etc, sempre utilizando hashtags. O resultado? Mais de 15 milhões e meio de likes no Facebook.

Uma boa audiência, não é mesmo?

Se você fizer uso do seu conhecimento e conexões (sem prejudicar a sua marca) e conseguir alcançar 5% da presença digital adquirida pela MAC Cosmetics, já seria uma diferença gigantesca no potencial de alcance da audiência do seu negócio.

4. Certifique-se de que seu conteúdo seja interessante e trendy

Lembra do storytelling e do ponto de vista que mencionamos no item 1? Você precisa produzir conteúdos criativos, dinâmicos e que estejam na moda.

Uma dica é pesquisar por palavras-chave que descrevam o seu negócio e ver os tipos de conteúdo que aparecem nas ferramentas de busca. Uma dica de ferramenta é o BuzzSumo, que mostra especificamente os tipos de conteúdos produzidos por cada termo.

Veja o exemplo abaixo, onde pesquisei por “inbound marketing” e obtive os resultados de busca por conteúdos produzidos com este assunto – a lista é composta por guias e blogposts de orientação, um conteúdo de mentoria.

Você pode aplicar o mesmo método ao seu nicho de mercado para ficar por dentro do que está em alta para, então, explorar sua criatividade e formular um ponto de vista sólido para o seu storytelling antes mesmo de produzir o conteúdo.

Os tipos de conteúdo que normalmente têm melhor desempenho são listas, guias, “faça você mesmo”, dicas, novidades exclusivas e conteúdos de impacto. No entanto, você é o melhor juiz do que funciona melhor no seu segmento de mercado.

Conclusão

A criatividade no momento da produção e distribuição do conteúdo vai ajudar a decidir o seu sucesso. Uma vez que você desenvolve um ponto de vista interessante de storytelling e dá o formato certo à ele (texto, vídeos, slides, podcast, e-book, app, white paper, infográfico ou fluxograma), o sucesso virá.

O ponto de vista do storytelling é a alma do conteúdo, a qualidade é o seu esqueleto e a promoção e disseminação são sua carne. Pense na promoção do conteúdo sob este aspecto para decidir como você coordenará a produção de conteúdo da sua marca.

Vale ter em mente as demais formas de promoção de conteúdo, como através do alcance de influenciadores, interação nas redes sociais, e-mail marketing, promoção de posts em redes sociais específicas do seu nicho e relacionamento com a imprensa.

Serviços

A Otimifica é a sua parceira estratégica de marketing digital para conquistar e reter os melhores clientes.

Todos os direitos reservados © Otimifica
Membro da